A contagem regressiva para o Rio 2016 já começou: Technogym será fornecedora oficial pela 6ª vez

A contagem regressiva para o Rio 2016 já começou:  Technogym será fornecedora oficial pela 6ª vez

A Technogym assinou um contrato de exclusividade de fornecimento de equipamentos fitness para os primeiros Jogos Olímpicos da história na América do Sul

 

Technogym assinou um contrato de exclusividade de fornecimento de equipamentos fitness para todos os centros de preparação atlética para os Jogos Olímpicos Rio 2016.

Internacionalmente reconhecida como padrão na preparação atlética, reabilitação e tecnologia de bem-estar, a Technogym comemora sua sexta parceria olímpica após Sydney 2000, Atenas 2004, Turim 2006, Pequim 2008 e Londres 2012. No Rio de Janeiro, a Technogym irá fornecer uma gama completa de equipamentos para o principal centro de treinamento (aproximadamente 2.000 metros quadrados), na Vila olímpica, na Barra da Tijuca aberta a todos os atletas que participam dos Jogos, e irá equipar 15 centros completos com áreas de aquecimento projetados especificamente para as diferentes disciplinas nos locais de competições.

Technogym irá fornecer aproximadamente 1.000 peças de equipamento e instalar plataformas digitais Mywellness Cloud, permitindo que os atletas se conectem diretamente aos equipamentos com o seu programa de treinamento individual a partir de um dispositivo móvel. Além disso, a Technogym irá fornecer uma equipe de 50 treinadores profissionais para gerir os centros de preparação e apoiar os atletas, bem como todos os serviços relacionados (layout ginásio, instalação e assistência técnica).

Nerio Alessandri, presidente e fundador da Technogym, disse: "Estamos muito orgulhosos por termos sido escolhidos pela sexta vez como o fornecedor oficial dos Jogos Olímpicos. Esta importante conquista representa uma vitória para toda a equipe Technogym e uma forte referência sobre nossos padrões de inovação e qualidade do produto ", acrescentando "Rio 2016 também representam uma oportunidade única para promover o bem-estar no Brasil e em toda a América Latina ajudando a obter o aumento do número de pessoas interessadas em exercício físico. No Rio de Janeiro a Technogym trará não apenas os melhores produtos e tecnologias, mas também um compromisso social. Estamos definindo agora os detalhes da campanha social que vai lançar no próximo outono, mas nós já concordamos com o Comitê Organizador e a Cidade do Rio de Janeiro, que 50% dos equipamentos que vamos entregar para as instalações de treinamentos Olímpicos vão ficar no Rio de Janeiro depois dos jogos e será doado para escolas locais, a fim de promover o bem estar na nova geração "

Carlos Nuzman presidente do comitê organizador do Rio 2016, comentou: "As necessidades dos atletas estão sempre na vanguarda do nosso pensamento e é vital garantir que tenhamos equipamentos topo de linha disponível para a sua utilização. Vamos trabalhar juntos nos próximos meses. "

Sobre a Technogym

Fundada em 1983, a Technogym é líder mundial no fornecimento de fitness e produtos wellness, serviços e soluções. Hoje, a empresa emprega cerca de 2.200 funcionários em suas 14 filiais na Europa, nos Estados Unidos, Ásia, Oriente Médio, Austrália e América do Sul, exportando 90% de sua produção para mais de 100 países. A Technogym equipou 65.000 centros de bem-estar e mais de 100.000 lares em todo o mundo. A Technogym tem sido a fornecedora oficial das últimas cinco edições dos Jogos Olímpicos: Sydney 2000, Atenas 2004, Turim 2006, Pequim 2008 e Londres 2012.

Sobre o Comitê Organizador Rio 2016 para os Jogos Olímpicos e Paraolímpicos

O Comitê Organizador Rio 2016 para os Jogos Olímpicos e Paraolímpicos é uma organização de esportes privada sem fins lucrativos estabelecida pela Confederação Olímpica Brasileira, do Comitê Olímpico Brasileiro e do Comitê Paraolímpico Brasileiro. Sua missão é promover, organizar e entregar os Jogos Olímpicos e Paraolímpicos Rio 2016, de acordo com as diretrizes estabelecidas pela cidade, Comitê Olímpico Internacional, Comitê Paraolímpico Internacional (IPC), a Agência Mundial Anti-Doping, sob a legislação brasileira, a Carta Olímpica e o Manual do IPC.